O que rolou na última semana de maio de 2019 nos meetups de Java?

Na última semana de maio de 2019 tivemos meetups de Java presencial e online. Abaixo os que temos vídeos.

Começando pelos presenciais, na quinta-feira a galera do São Paulo Java Meetup se reuniu na ClickBus, e o Rodrigo Peleias falou sobre “Vida de Desenvolvedor: O que é importante para nós”.

Logo após, o André Ignacio trouxe a excelente palestra sobre “Project Reactor o Core do Spring Webflux”.

Referente aos eventos online, tivemos na quinta-feira pelo SouJavaAriane Izac e a Alessandra Kajihara falando sobre “Legibilidade de código não é perfumaria”.

Já na sexta-feira, o Luram Archanjo falou sobre “Micronaut: Mudando a maneira como construímos microservices”, além de apresentar o GraalVM e como a ferramenta trabalha junto ao Micronaut.

Quer participar desses meetups presenciais e online? Se inscreva nos São Paulo Java Meetup e SouJava.

Quer contribuir palestrando? Os organizadores vão amar conversar com você.

Compartilhe e curta:

24° meetup Java São Paulo

No dia 17/05 participei do 24° meetup Java São Paulo que ocorreu no auditório da Caelum, na região da Vila Marina, às 19 horas.

Foi apresentado pelo Fernando Boaglio uma visão geral sobre a ferramenta Katalon para testes automatizados. Ferramenta gratuita, mas com suporte pago. Gera rotinas em Groove, mas tem fácil utilização via interface. Funciona no windows e MacOs na versão Full e server, já no Linux, apenas na versão server, fazendo teste com integração contínua com Jenkins. Trabalha bem com o Jira, abrindo issues em caso de falhas e possui uma boa documentação no site do desenvolvedor e no StackOverflow.

Já o Tiago Freitas da Elo7 apresentou diversos exemplos de como mockar seus objetos com Mockito 1 e 2, pode ser usado de forma verbosa ou por simples anotações, foi apresentado umas 27 classes de mock com as mais variadas funções disponíveis como os matchers, verificação de ordem de execução de métodos, condições, verificação de nulls, verificação por reflection. Também foi discutido as vantagens de usar Spies encapsulando instâncias reais dos objetos.

Em resumo, foi muito proveitoso a participação do meetup, sendo possível conhecer a ferramenta Katalon e o framework mockito mais a fundo, outro ponto a se destacar, é o ambiente proporcionado pela Caelum e o Coffe Break com lanches de metro bem caprichados, coca-cola e café a vontade.

Para participar das próximas edições do meetup Java São Paulo, siga suas redes sociais e principalmente se inscreva pela plataforma meetup. Se inscreva também no slack por esse link .

http://meetu.ps/e/FhV5V/y8xDY/d

Compartilhe e curta: