Desenvolvedoras no mercado de tecnologia e comunidades para elas.

Domingo é o dia internacional das mulheres e hoje queremos apresentar alguns índices de desenvolvedoras no Brasil e no mundo, além de divulgar comunidades para mulheres que promovem cursos de formação, meetups e eventos.

O intuito dessa matéria é incentivar e empoderar a mulherada a ocupar mais e mais vagas nesse mercado tão aquecido, a fim de trazer acensão social e um expressivo aumento percentual de mulheres atuando como desenvolvedoras no nosso Brasil.

Desenvolvedoras e seus índices

Estudos realizados pelo HackerRank em 2017 apontam que apenas 17,1% das pessoas que responderam seus testes são mulheres.

As brasileiras correspondem a 5.8% desse universo, ocupando a 43° posição.

Em compensação nossas brasileiras estão na 18° colocação dos países que tiveram as melhores avaliações.

Pesquisas também realizadas pelo HackerRank em 2020 com dados de 2019, apontam que as mulheres estão começando a desenvolver cada vez mais jovens.

Infelizmente, estudos realizados no ano de 2018, apontam que a probabilidade de mulheres com mais de 35 anos ocuparem cargos juniores em comparação a homens é 3.5 vezes maior.

Nos últimos eventos que participei, pude observar cada vez mais mulheres presentes e palestrando, mas a diferença entre homens ainda é muito alta.

Dessa forma, realizamos um levantamento de algumas comunidades de desenvolvimento focadas em mulheres. Há comunidades de linguagens específicas e comunidades que promovem eventos em conjuntos com outras, trazendo assuntos bem plurais. São elas:

Women Dev Summit

Ocorrerá um super evento com direito a palestras, coffee-break e sorteios dia 21 de março, das 08:30 às 18:00 no Cubo Itaú. O investimento é de apenas 40 reais e ainda há vagas.

Devs Java Girl

Dia 14 e 15 de março, a comunidade Devs Java Girl promoverá um workshop com o tema “Java, do básico a API”. As tecnologias utilizadas serão Java, SpringBoot com Rest e JPA com Hibernate. Não há mais vagas, mas há fila de espera, além de sempre haver encontros promovidos por elas, dessa forma, se inscreva no grupo do meetup.

Outras comunidades pra seguir e acompanhar suas redes sociais:

jDuchessBR
https://soujava.org.br/jduchessbr/

PHPWomen Brasil
https://phpwomen.org.br/

Rails Girls
http://railsgirls.com/

WoMakersCode
https://womakerscode.org/

Programaria
https://www.programaria.org/

Minas Programam
http://minasprogramam.com/

Reprograma
https://reprograma.com.br/

NodeGirls
https://twitter.com/NodeGirlsCode

PyLadies Brasil
http://brasil.pyladies.com/

NerdGirlz
https://www.facebook.com/nerdzao/

Cloud Girls
https://www.cloudgirls.com.br/

She Sharp Brasil
https://www.facebook.com/shesharpbrasil/

Elas Programam
https://www.facebook.com/elasprogramam/
*Contribuição realizada por Regina Giovannini (https://www.linkedin.com/in/regiovannini)

Epilogo

Peço desculpa se esquecemos alguma comunidade, nada que não possamos alterar essa matéria assim que nos for apresentadas novas comunidades… rsrrsrsrs… como dito antes, o objetivo é incentivar e emponderar a mulherada, visto que juntas, vocês se tornam mais fortes e alcançam cada vez mais mulheres.

Foi bem bacana levantar esses dados e realizar essa matéria. Foi tudo feito com muito amor e carinho S2. Peço que divulguem, para que a mensagem chegue ao maior numero de mulheres.

Quer se capacitar mais e de forma gratuita, preparei alguns sites e canais do Youtube que nos ajudam com isso. acesse os links:

Compartilhe e curta:

Canais do YouTube para o(a) desenvolvedor(a) Java estudar gratuitamente.

Como forma de agradecer a marca dos 700 inscritos na página do facebook, preparei uma listinha com alguns canais do Youtube onde se pode estudar gratuitamente, as linguagens e tecnologias presentes no ecossistema do(a) desenvolvedor(a) java.

Agradecemos demais a audiência que o blog e as redes sociais estão recebendo, isso nos deixa muito feliz e com energia pra disponibilizar mais e melhores conteúdos.

Vamos parar de enrolação e bora pra listinha. Os links estão nos títulos com o nome de cada canal:

Michelli Brito

O canal da Michelli Brito possui bastante conteúdo prático sobre o universo Spring. Há playlists sobre como criar um blog com Spring Boot e realizar deploy no AWS, outra playlist aborda como contruir uma API Rest com Spring Webflux e mongoDB, e outra ainda bem interessante trata de como realizar um deploy de um app spring Boot na IBM Cloud. Há ainda outras playlists disponíveis para conferir.

Alex – JDev Treinamento

O canal do Alex da JDev Treinamento possui playlists de cursos focados no javaEE, JSF, PrimeFaces, JSP, curso de Rest e RestFull, curso de AngularJs, além de dar dicas sobre carreira.

DevDojo

O canal possui a famosa série Maratona Java, com um total de 210 vídeos curtos e muito objetivos sobre fundamentos da linguagem Java. Há cursos de JSF, SpringBoot, TypeScript, Projetos práticos com JSF, CDI e Hibernate, entre outras tecnologias.

Curso em Vídeo

O canal do instrutor dos pequenos gafanhotos como carinhosamente ele se dirige aos seus alunos. O Gustavo Guanabara tem uma excelente didática e é super empenhado em sempre trazer mais e mais cursos para seus alunos, não é por menos que seu canal está com mais de um milhão de inscritos. Marca surpreendente para esse nicho. Lá ele fala sobre Java, python, javascript, HTML, WordPress, Linux e muito mais.

Loiane Groner

Assim como no site da loiane.training, há playlists dos cursos presentes no site como Angular 2~9 do básico ao avançado, estrutura de dados, Java, Cordova entre outros. Mas também há vídeos sobre atualizações das últimas versões do Java e Angular, dicas para desenvolvimento Java no Visual Studio Code, entre outros assuntos.

Bônus

Como bônus, separei também outros dois canais que não são referente a cursos, mas sobre gravações de meetups e lives que também abordam assuntos sobre o ecossistema do desenvolvedor Java. São eles:

Meetup Java São Paulo

Canal oficial do Meetup Java São Paulo, onde são postados os vídeos dos meetups que ocorrem. Os assuntos são os mais variados e tudo focado no ecossistema Java.

SouJava

Canal oficial da sociedade de usuários Java, mais conhecida como SouJava, assim como o anterior, é um canal que foca no ecossistema Java. Nele são realizados lives normalmente semanais, tanto de palestrantes brasileiros, quanto estrangeiros. Tem muito conteúdo bom, inclusive sobre novidades do Java que devemos ficar bem atentos.

Epilogo

Esses foram os canais que separei, no entanto, há muitos outros que poderiam estar nessa listinha e ficarão para uma próxima oportunidade. Conhece algum bacana que tem lhe ajudado? compartilha ai nos comentários ou nas redes sociais. Sempre estou atento… rsrsrssr.

Quer saber o que é, como surgiu e como funciona o Spring Boot? De quebra, ainda entender o que é, e o contexto que o Spring Framework foi criado? Acesse https://www.devjava.com.br/o-que-e-como-surgiu-e-como-funciona-o-spring-boot/

Compartilhe e curta:

O que rolou na última semana de maio de 2019 nos meetups de Java?

Na última semana de maio de 2019 tivemos meetups de Java presencial e online. Abaixo os que temos vídeos.

Começando pelos presenciais, na quinta-feira a galera do São Paulo Java Meetup se reuniu na ClickBus, e o Rodrigo Peleias falou sobre “Vida de Desenvolvedor: O que é importante para nós”.

Logo após, o André Ignacio trouxe a excelente palestra sobre “Project Reactor o Core do Spring Webflux”.

Referente aos eventos online, tivemos na quinta-feira pelo SouJavaAriane Izac e a Alessandra Kajihara falando sobre “Legibilidade de código não é perfumaria”.

Já na sexta-feira, o Luram Archanjo falou sobre “Micronaut: Mudando a maneira como construímos microservices”, além de apresentar o GraalVM e como a ferramenta trabalha junto ao Micronaut.

Quer participar desses meetups presenciais e online? Se inscreva nos São Paulo Java Meetup e SouJava.

Quer contribuir palestrando? Os organizadores vão amar conversar com você.

Compartilhe e curta: